Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

3 em Linha

-Blog familiar é só entrar com boa disposição- 😉

3 em Linha

-Blog familiar é só entrar com boa disposição- 😉

O teu nome no meu peito

Novembro 02, 2017

Ricardo Correia

lovers-2761551_640.png

 

 

 

 

 

 

 

 

Sim, conversamos horas a fio

Num espaço intemporal, ocasional.

Mas no fim de contas não podemos mentir!

O amor que nos une é mais forte

É impossível resistir!

Os lábios que se atraem como imanes,

O sussurro do calor das nossas peles,

Os abraços fervorosos em uníssono

Dizem-nos que cantamos a mesma melodia.

O destino, nos queria separar por ironia,

Mas não fomos na conversa do guia.

O karma a que nos queriam subjugar

Cabe a nós, amantes líricos traçar.

 

Subjacente a uma raça teimosa

Que sem esforço de união,

Compreensão unilateral,

Quebra laços de ternura

E dá azo á desilusão.

Insistem em conversas mudas

Caminhos sinuosos sem saída,

Desprendem o coração

Do sentido da vida!

 

Mas uma vida sem carinho

Sem amor discutido,

Não faz qualquer sentido

Nas águas turvas do destino.

Dos problemas que surgem,

Das respostas que falham,

Escolhemos caminhos encruzilhados

Mas só com o mapa do cúpido,

Retomamos o rumo enaltecido

Abençoado, apoiado, seguro.

O teu nome no meu peito esculpido

Gravado, lacrado, é o meu escudo

Até ao fim dos meus dias!

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D

Comentários recentes

  • Mamã Gansa

    Tudo atividades convidativas, parece que a Cláudia...

  • Ricardo Correia

    Pois, acho que é uma situação comum a muita gente...

  • Mamã Gansa

    Gostava, mas ele também foge de mim

  • Mamã Gansa

    . Muito bom o texto, Ultimamente só conheço gente...

  • Ricardo Correia

    Pois a Beatriz não sai de trás do vidro. É quando ...