Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

3 em Linha

-Blog familiar é só entrar com boa disposição- 😉

3 em Linha

-Blog familiar é só entrar com boa disposição- 😉

É o mundo novo.

Janeiro 31, 2018

Ricardo Correia

É estranho esta geração de jovens, que tem como pano de fundo as redes sociais e o allways connected.

O ataque cibernético entre a mesma espécie. O publicar descaradamente sem bom senso nem respeito pelo próximo.

Se até aqui a guerra era feita entre militares fortemente armados para matar tudo e todos, agora são ataques psicológicos de uma raça internauta. E com um simples clique podem destruir tudo e todos à sua volta.

Entre o conflito armado e o psicológico, penso que este último deixa mais marcas na sociedade, do que alguém imagina.

São marcas presentes e futuras. São a insegurança, o medo e a falta de amor-próprio. As nossas crianças crescem rodeadas de falta de auto-estima e marcadas por traumas.

A geração rasca cresceu a saber lutar pelos seus valores e ideais, manifestavam-se nas ruas e faziam-se ouvir, e esta nova geração luta por quê?

O exagero, os desafios, o levar ao extremo certas situações que à partida nunca passaria pela cabeça de um ser racional, são despojadas na net sem escrúpulos só com o intuito de obter visualizações e likes

É triste que uma ideia tão bem conseguida como a Internet, no fundo acabe como cenário negro de uma geração que cresceu a não saber destingir o certo do errado, e do tudo vale, para se exibirem ou tentarem catapultar para a fama seja de uma forma boa ou má.

Cada vez mais somos invadidos de noticias pelo mundo fora de jogos perigosos e ridículos que aparecem filmados por outros, que acham muito engraçado por em perigo a vida de outro ser humano. E o mais ridículo é que se partilha e partilha, sem se pensar. Agora chamado de memes. Chegamos ao esato doentio. É uma doença.

Uma coisa é alertar para os perigos outra é expor sem remorsos os atos praticados, por outros.

É o mundo em que vivemos.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D

Comentários recentes

  • Mamã Gansa

    Tudo atividades convidativas, parece que a Cláudia...

  • Ricardo Correia

    Pois, acho que é uma situação comum a muita gente...

  • Mamã Gansa

    Gostava, mas ele também foge de mim

  • Mamã Gansa

    . Muito bom o texto, Ultimamente só conheço gente...

  • Ricardo Correia

    Pois a Beatriz não sai de trás do vidro. É quando ...