Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

3 em Linha

-Blog familiar é só entrar com boa disposição- 😉

3 em Linha

-Blog familiar é só entrar com boa disposição- 😉

Acabou-se a papa doce...

Novembro 14, 2017

Ricardo Correia

media.jpg

No outro dia fui todo lampeiro, para comer "Nestum com mel" ao lanche com as minhas filhotas, qual não foi o meu espanto quando reparei que aquela papa, da minha juventude e que tão bem me sabia, não sabia a nada, rigorosamente a nada!

 

Peguei na caixa e virei-a, revirei-a, e voltei a virar à procura de algo que dissesse "sem açúcar", por algum motivo, poderia dizer, na esperança que me tivesse enganado a comprar a embalagem e tivesse agarrado numa mesmo sem açúcar. Mas não! Então as palavras "com mel" saltaram-me à vista. Afinal de contas no meu entender o mel é doce, certo? Porque raio, é que o Nestum perdeu o sabor?! É deveras estranho! E ainda têm a lata de por a letras verdes "Sabor único". Sim, disso não há dúvidas. É único porque não tem sabor!

 

Mas por alma de quem é que esta gente foi autorizada a cortar no açúcar e estragar as lembranças das pessoas? Aquele sabor era tudo menos Nestum. Acreditam que tive que agarrar num pacote de açúcar e o despejar na taça para realmente conseguir apreciar aquele Nestum? Não cabe na cabeça de ninguém! 

 

E não me venham falar na obesidade infantil que isso para mim é treta. Antigamente comíamos de tudo, corríamos e brincávamos na rua. Sim havia um ou outro miúdo mais rechonchudo, mas isso faz parte do metabolismo e ADN de cada um. Geralmente até é hereditário. 

 

O mais engraçado é que até nos cereais fizeram o mesmo. Também no outro dia fui comer cereais com chocolate e pensei que tinha comprado uma embalagem de cereais com chocolate amargo, porque também os cereais não eram doces. E o mais ridículo disto tudo é que já nem os meus filhos pedem para comprar tantos cereais. É mais comum, ao lanche ou ao pequeno almoço pedirem leite com chocolate e uma torrada com manteiga. Se a ideia é fazer com que os miúdos deixem de consumir cereais, então estão no bom caminho.

 

É como nas cantinas proibirem de vender chocolates, bolos e outros produtos deste género. No meu tempo consumíamos de tudo e não era por isso que era gordo. Pois fazia exercício físico. Já para não falar de que muita gente desconhece que o chocolate tem propriedades que estimulam o cérebro, e que dá energia. É saber o tempo exato em que o comer. 

 

Onde está  a nossa alimentação mediterrânea? Ouvi dizer que agora querem atacar no sal. Mas será que os nossos governantes acham que somos burros ao ponto de não saber o que comer? Mas agora também querem mandar na vida das pessoas? Já ninguém é livre de escolher aquilo que gosta para comer? É de doidos este país!

 

Os miúdos não compram esses produtos nas cantinas, mas comem-nos lá fora. Vão compra-los a outros sítios. Está na altura de porem as cantinas a funcionar como deve ser com alimentação e produtos que realmente alimentem as crianças e deixarem-se de idiotices. A nossa dieta mediterrânea, que é a roda dos alimentos que se aprende logo na escola primária, que diz que temos de comer de tudo, variado e em doses equilibradas. Primeiro ensinam e depois desensinam? Não entendo. 

 

Infelizmente vivemos numa sociedade em que as modas lideram. É modas para tudo, até para comer. Vegans*1, vegetarianos*2, macrobioticos*3

 

Quero os meus produtos de volta, com açúcar, com sal, não quero imitações rascas.

 

 

 

*1 Veganismo é um movimento a respeito dos direitos animais. Por razões éticas, os veganos são contra a exploração dos animais.

 

*2 Vegetarianismo ou vegetarismo é um regime alimentar baseado no consumo de alimentos de origem vegetal. Define-se como a prática de não comer qualquer tipo de animal, com ou sem uso de laticínios e ovos.

 

*3 Macrobiótica é uma alimentação baseada na filosofia chinesa. Aborda a energia de cada alimento de acordo com Yin e Yang buscando o equilíbrio energético. Valoriza o consumo de cereais por ser considerado um alimento neutro, ajudando a manter-se sempre no equilíbrio. Também esta relacionado com o não consumo de carne animal, instruindo que se retire aos poucos da dieta até que o corpo se acostume e não sinta mais falta.

 

 

 

 

 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D

Comentários recentes

  • Mamã Gansa

    Tudo atividades convidativas, parece que a Cláudia...

  • Ricardo Correia

    Pois, acho que é uma situação comum a muita gente...

  • Mamã Gansa

    Gostava, mas ele também foge de mim

  • Mamã Gansa

    . Muito bom o texto, Ultimamente só conheço gente...

  • Ricardo Correia

    Pois a Beatriz não sai de trás do vidro. É quando ...